segunda-feira, 11 de abril de 2016

Doação de Brinquedos - O começo de uma campanha



Oi pessoal, hoje eu venho lhes falar de uma quase campanha, uma coisa que surgiu da minha filha, após ver suas amiguinhas da rua de baixo.
Sempre fui pobre, não me orgulho disso, me orgulho do fato de correr atrás das coisas e cuidar do que era meu...Mesmo sendo de família humilde, sempre tive muitos brinquedos, sempre fui cuidadosa, e em toda festinha em casa, eu ganhava bastante coisas. Ganhava também roupas usadas e isso é uma coisa normal aqui na minha família, onde as roupas dos primos maiores passam para os menores, e até nós adultos fazemos uma troquinha de vez em quando... E isso foi passado entre gerações... Ficamos o ano de 2015 no Rio, onde moramos num apertamento e todos os brinquedos extras das crianças, com a ajuda deles, juntamos e levamos para a creche lá da comunidade. Voltamos para nossa casa em 2016. E Hanna encontrou duas amiguinhas que estudaram juntas em 2014. Hanna sempre ía brincar na casa delas ou elas vinham brincar aqui em casa. Até que um dia Hanna perguntou se não havia nenhuma boneca dela para doar as amiguinhas, porque toda vez que chegava na casa delas, elas só brincavam com lama, que não tinham brinquedos...



Como mãe, e como uma ex criança que brincou de bonecas até os 13 anos, fiquei com dó... Respondi a Hanna que as bonecas dela que sobraram após a última doação, eram os xodós, que não eram para serem doadas porque eram a primeira boneca que a mamãe deu, a boneca que foi da Biza, a boneca que era minha quando criança, etc...  Já tinha falado para os familiares para não dar mais bonecas a Hanna, exceto a vaquinha que faremos para a Baby Alive Comilona que vamos dar de natal a ela, se ela merecer e for bem na escola. É o sonho dela.... Eu quero também dar uma boneca bebê negra, acho tão fofa, e eu nunca tive (Não tinha na minha época, olha a inveja, kkkkk). E ainda tem as minhas bonecas que ficaram com a minha mãe, lembra que sempre fui uma criança cuidadosa, bonecas antigas e clássicas da Estrela com a roupa original, que deixei para trás quando saí de casa. Então como deixei para trás, elas não me pertencem mais né, aí minha mãe não dá pra Hanna, deu só a Gracinha (marca Grow), não sei o que ela está esperando, Hanna já está com dez anos, e nem eu, nem minha irmã teremos mais filhos. Desabafo a parte... Disse a Hanna que daria um jeito...

Reuni numa breve postagem no meu facebook, a vontade de doar para suas amiguinhas alguns brinquedos, e marquei as amigas e amigos. Nem todos viram, mas os que viram comentaram e surgiram pessoas dispostas a fazer uma limpeza e doar o excesso, renovar é sempre bom né... Falei também com três amigas de escola deles que iriam trazer algo...

Lembro-me de outra situação aqui no mesmo bairro, aquela minha fase cheia de brinquedos com já uns 14 anos, reuni uma boa parte deles e doei para os filhos do pedreiro que estava fazendo minha casa e, sabe, fiquei tão leve... O chato foi na semana seguinte, ver meus antigos brinquedos estragados, jogados na rua.... Doeu lá dentro, mas nem todos sabem dar valor as coisas... Nós plantamos o bem né, mesmo assim continuei a fazer meu melhor, afinal, pedir não é feio, e compartilhar é divino.


Hoje eu consegui essas duas bonecas da foto acima, fui conversar  com a amiga do brechó em frente ao trabalho do maridex, e, falei dessa minha “campanha”. E recebi também o recado da minha amiga de escola Wingrid Priscila que traria alguns brinquedos em breve. Hoje o dia foi muito bom... A campanha começou para essas duas meninas, mas com o passar dos dias, descobri que elas têm mais dois irmãos. Não sei se conseguirei algo para eles, Mas Gretel e Florência, mães de dois meninos, ficaram de dar uma olhada no que podem doar.... Mas vai que consiga tanto que dê para doar um pouco para as outras duas meninas e dois meninos que moram ao lado da minha mãe, são quatro irmãos também que não tem nada para brincar e ficam ociosos aprontando na rua... E quanto mais conseguir, mais crianças poderei ajudar, não é...

Hoje a Hanna arrumou seu quarto e já começou a separar as panelinhas, copinhos, talheres para doar junto. Porque tem que alimentar as filhinhas delas né...

O próximo passo será lavar os brinquedos e fazer uma roupinha para as bonecas que vieram peladas. E continuar pedindo a quem poder doar... O que eu fizer, mostro pra vocês aqui, roupinhas com passo a passo, etc...


E espero realmente que a partir desse simples gesto(que enche meu coração de alegria!), que você que me lê, que faça o mesmo pelo próximo, às vezes um vizinho que você nem saiba que exista, como foi meu caso(era bem eremita na minha casa), esteja na mesma situação. Ou simplesmente, recolha, conserte e doe no próximo 12 de Outubro... O tempo passa rápido, comece já... Bjkas

Um comentário:

  1. Que campanha linda, por mais pessoas assim! Tomara que você consiga muitos brinquedos!!

    www.sempremorenaantenada.blogspot.com

    ResponderExcluir